Currículo dos Oficineiros

Glauber Coradesqui – Oficina de Crítica Teatral

Professor, pesquisador de teatro e produtor cultural. Licenciado em Artes Cênicas pela Universidade de Brasília, cursa atualmente o Mestrado em Arte e desenvolve projeto de formação de plateia para o teatro contemporâneo na mesma instituição. Atuou como professor do curso de teatro da Faculdade de Artes Dulcina de Moraes, entre os anos 2009 e 2012, lecionando disciplinas para a licenciatura e o bacharelado. Durante três anos foi coordenador de pesquisa e projetos da Fundação Athos Bulcão, onde fez a curadoria do Fórum de Educação e Artes Cênicas do Distrito Federal e a coordenação do Festival de Teatro na Escola – agraciado com o Prêmio Itaú/UNICEF – Educação e Participação (2009) e reconhecido como o maior projeto de educação teatral do DF. No ano de 2010, organizou e escreveu o livro “Teatro na Escola – Experiências e Olhares”. Neste mesmo ano, passou por um período de estudos em Londres, na Inglaterra, onde fez cursos nas áreas de Direção Teatral (Central School of Speech and Drama) e História da Arte (Central Saint Martins). Em 2011, foi debatedor da Mostra SESC de Teatro, em Anápolis (GO). Atualmente trabalha na realização de seu segundo livro, em que conta e documenta parte da história do teatro brasilense.

José Manoel Sobrinho – Workshop de Arte-Educação – Conceitos e Aplicabilidade:

Coordenador de Cultura do SESC Pernambuco; encenador, professor de teatro; gestor cultural nos setores público, privado, e terceiro setor; curador de festivais, mostras, galerias de arte, casas de espetáculos, seminários e projetos diversos nas áreas de teatro, dança, música, artes visuais e literatura. Na área de teatro participa nos processos de articulação no interior do estado, coordena o programa de teatro do SESC Pernambuco, inclusive no desenvolvimento de grupos e núcleos de pesquisa. Criou a Escola SESC de Teatro e o Curso de Formação de Atores do SESC Pernambuco. Participa do estudo Laboratório de Palhaçaria: uma pesquisa sobre o palhaço brasileiro, desenvolvida pela Companhia 2 em Cena de Teatro e Dança.

Está com os espetáculos À Céu Aberto Circo Pano de Roda Lona Estrelada Boca Calada, de Alexsandro Silva e Viva a Nau Catarineta, de Altimar Pimentel, ambos para ruas. Coordena o Núcleo SESC PE de Teatro para Infância e Juventude.

  • Graduado em LETRAS – Vernáculo, Faculdade Frassinetti do Recife – FAFIRE
Cursos de Aprimoramento, Encontros e Palestras
  • Curso de História      da Arte, pela Universidade Federal de Pernambuco, Centro de Artes e      Comunicação, Departamento de Teoria da Arte, Coordenação de Artes      Plásticas e SESC Nacional (nível de extensão)
  • Jornada      Internacional de Literatura de Passo Fundo – RS, em 2004 – participante em      cursos, palestras, seminários, lançamentos.
  • Festa da Literária      de Paraty – RJ, em 2007 e 2011- participante em cursos, palestras,      seminários, lançamentos.
  • Festa da Literatura      de Porto de Galinhas – PE. em 2007 – participante em cursos, palestras,      seminários, lançamentos.
  • Bienal do Livro do      Rio de Janeiro – RJ, em 2005 – participante em cursos, palestras,      seminários, lançamentos.
  • Jornada de      Literatura do SESC/Alagoas, em 2003 – participante em cursos, palestras,      seminários, lançamentos.
  • Arte-educador, Ator,      Diretor e Professor de Teatro desde 1976.
  • Professor do Curso      Regular de Teatro do SESC/Pernambuco, desde 1982.
  • Coordenador de      Cultura do SESC Pernambuco, desde 1993.
  • Coordenador do Programa      de Literatura do SESC/PE desde 2007.
  • Coordenador da      Subcomissão Nordeste do Prêmio SESC de Literatura – 2008, 2005, 2004, 2003,      2009, 2010 e 2011 e da Comissão Final do Prêmio SESC de Literatura, SESC/Nacional,      em 2006
  • Curador do Goiânia      em Cena, Prefeitura de Goiânia e Universidade Federal de Goiás, 2011.
  • Coordenador do      Natal Triunfo – PE, desde 2006.
  • Supervisor de      Cultura do SESC – Santo Amaro, entre 1984 e 1993
  • Professor de Teatro      do SESC, Santa Rita, Casa Amarela e Santo Amaro no período de 1979 a 1984.
  • Diretor de Cultura      da cidade de Camaragibe no período de 1993 a 1995
  • Vice-Presidente da      Fundação de Cultura, Turismo e Esportes de Camaragibe no período de 1996 a 1997
  • Presidente da      Fundação de Cultura, Turismo e Esportes de Camaragibe no período de 1997 a 2003
  • Consultor nas áreas      de Gestão Cultural, Política Cultural, Teatro, Arte-Educação, Literatura,      Encenação para Teatro e Dança.
  • Encenador de      aproximadamente 100 espetáculos nas áreas de Teatro, Dança e Música.

Joelma Paes – Oficina de Instagram 

• Graduada em Artes Visuais com habilitação em Design Gráfico
FACULDADE CAMBURY – 2006
• MBA em Cinema

Ocupação atual
• FRACTAL FILMES
http://www.fractalfilmes.com.br/

Atuação na Educação
• UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS – 2002
Monitora do laboratório de Fotografia
• LABORATÓRIO DE FOTOGRAFIA – FACULDADE CAMBURY – 2003/2005
Técnica auxiliar
• CURSO TECNOLÓGICO DE FOTOGRAFIA – FACULDADE CAMBURY – 2005
Professora de Fotografia de Eventos para as turmas de Fotografia II e III
• CIRANDA DA ARTE
Cursos e oficinas: Cinema e Educação; Audiovisual com Mídias Portáteis;
• EMPÓRIO SEBRAE-FICA – 2007
• Ministrante da oficina de Produção Audiovisual com Mídias Portáteis
• FESTIVAL DE CINEMA UNIVERSITÁRIO LATINO AMERICANO PERROLOCO/UFG – 2007
Ministrante da oficina de Produção Audiovisual com Mídias Portáteis
• GOIABA ROCK/IGC 2007
Ministrante da oficina de Produção Audiovisual com Mídias Portáteis
• 1ª MOSTRA DE CONHECIMENTO, CULTURA E ARTE e 13ª FEIRA DE CIÊNCIA/SEE – 2008
Ministrante da oficina de Mídias Portáteis
• FESTIVAL DE CINEMA UNIVERSITÁRIO LATINO AMERICANO PERROLOCO/UFG – 2008
Ministrante da oficina de Produção Audiovisual com Mídias Portáteis
• SEMANA MAGNÍFICA/UFG – 2008
Ministrante da oficina de Produção Audiovisual com Mídias Portáteis
• CURSO REALIZAÇÃO AUDIOVISUAL: A CONSTRUÇÃO DO OLHAR – 2008
Ministrante do Curso – professores do Centro de Estudo e Pesquisa Ciranda da Arte
• PENSAR 2008
Ministrante da oficina de Câmera Cotidiana
• 2ª BIENAL DO LIVRO EM GOIÁS – 2009
Ministrante da oficina Mídias Portáteis
• FEIRA DO EMPREENDEDOR 2009
Ministrante da oficina Câmera Cotidiana
• IX FESTIVAL DE ARTES DE GOIAS – Cultura, Arte e Público – 2009
Ministrante da oficina Fotografia com celular
• CIRANDA CULTURAL DO CERRADO 2010
Ministrante da oficina de Mídias Portáteis

 Atuação em Curta-metragens

• CARROSSEL DO AMOR (Dir. Marcus Bessa) – Curtametragem – 15’ – 2005
Assistente de produção
• O SILÊNCIO DO PAI (Dir. Simone Caetano) – Curtametragem – 18’ – 2005
Assistente de produção (pré-produção)
Diretora de fotografia
Assistente de edição de áudio e vídeo
• DIA DE COMPRAS (Dir. Fábio Meira) – Curtametragem – 7’– 2006
Continuista
• CUECAS (Dir. Christian Mariano) – Curtametragem – 20’ – 2006
Diretora de Produção
• ESCADARIA (Dir. Guilherme Mendonça) – Curtametragem – 15´ – 2006
Assistente de produção e Platô
• ÚLTIMA CLAREZA (Dir. Amarildo Pessoa) – Curtametragem – 22’ – 2007
Direção de Fotografia
• MILÍMETROS (Érico Rassi) – Curtametragem – 12’ – 2007
Produção
• ECLÉTICOS CORAÇÕES (Simone Caetano) – Curtametragem – 18’ – 2007
• Direção de Produção
• UM MORTO NA SALA (Robney Bruno) – Curtametragem – 15’ – 2007
Platô
• FRAGMENTOS DE UMA CANÇÃO DE NINAR (Alyne Fratari) – Curtametragem – 17’ – 2008
Assistência de Direção
• QUAL A SUA CANÇÃO? (Erasmo Alcântara) – Espetáculo para DVD – 20’ – 2010
Assistência de Direção
• CAJON (Erasmo Alcântara) – Clipe musical – 12’ – 2010
Assistência de Direção
• PRAZERES (Erasmo Alcântara) – Curtametragem – em produção – 2011
Produção Executiva

Atuação em Eventos – Audiovisual
• 5ª GOIÂNIA MOSTRA CURTAS – 2005
Assistente de produção
• ICUMAM – Instituto de Cultura e Meio Ambiente – 2006
Produção
• CURSO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE CINEMA – 2006
Produção
• CINEMA POPULAR – 2006
Assistente de produção
• 6ª GOIÂNIA MOSTRA CURTAS – 2006
Produção
• CURSO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE CINEMA – 2007
Monitora Geral
• 3ª MOSTRA DE CINEMA E DIREITOS HUMANOS DA AMÉRICA LATINA – 2008
Assistente de Produção
• SEMINÁRIO CÂMERA COTIDIANA – 2008
Produtora Executiva
• 9ª GOIÂNIA MOSTRA CURTAS – 2009
Assistente de Coordenação de Produção
• 4ª MOSTRA DE CINEMA E DIREITOS HUMANOS DA AMÉRICA DO SUL – 2008
Produção
• SEMINÁRIO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS – 2009
Produção
• REALIZAÇÃO DO DESBITOLA – Ciclo de debates do Cinema Goiano (2007 a 2009)
Realização
• 10ª GOIÂNIA MOSTRA CURTAS – 2010
Assistente de Coordenação de Produção
• 5ª MOSTRA CINEMA E DIREITOS HUMANOS NA AMÉRICA DO SUL – 2010
Assistente de Produção
• 11ª GOIÂNIA MOSTRA CURTAS – 2011
Assistente de Coordenação de Produção
• 6ª MOSTRA CINEMA E DIREITOS HUMANOS NA AMÉRICA DO SUL – 2011
Assistente de Produção
• CIRCUITO ARTE.MOV (GOIÂNIA) – 2012
Produção local
• CIRCUITO CÂMERA COTIDIANA – 2012
Produção Executiva

 Participação em eventos

• Oficina de Direção: Toni Venturi – 1º FestCine de Goiânia/GO
• II Curso de Cinema – Realização ICUMAM
• 2º Festival Internacional de Mídias Portáteis –Telemig ArteMov – Belo Horizonte/MG
• III Curso de Cinema – Realização ICUMAM
• III Seminário do Ensino de Arte – Centro de Estudo e Pesquisa Ciranda da Arte
• Seminário do Plano Nacional de Cultura – Ministério da Cultura
• Fórum de Produção Cultural – Arte Brasil
• IV Curso de Cinema – Realização ICUMAM
• Semana de Gestão e Políticas Culturais – Observatório Itaú Cultural
• 2ª Conferência Estadual de Cultura – Secretaria de Estado da Cultura
• Oficina Projeto de Transmídia – 14º Festival Internacional de Cinema Ambiental

 

Alexandre Ribondi – Leitura e Interpretação

Um dos diretores pioneiros do teatro brasiliense é o também autor e ator Alexandre Ribondi. Nascido em 1952, no Espírito Santo, Ribondi foi para Brasília em 1968, quando ainda cursava o ensino médio. Na Universidade de Brasília, graduou-se em comunicação social. Autor dos livros “Da Vida dos Pássaros” (2009) e “Na Companhia dos Homens” (1999), Ribondi tem muita intimidade com as palavras. Escrever é para ele mais do que uma obrigação profissional, é uma necessidade, que resulta em textos densos e envolventes. Como o roteiro da peça “Cru”, apresentada no Palco Giratório que cruzará a “Sesc Aldeia Diabo Velho” no dia 27/10/2012.

Para Alexandre Ribondi o ator é o elemento central e de maior importância na composição de um espetáculo. O diretor acredita que uma peça está pronta quando apenas mediante a atuação, sem o acréscimo dos outros elementos artísticos do espetáculo, ela encanta.

Anúncios
Categorias: Uncategorized | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: